Craqueamento de óleos vegetais para a produção de combustível

O processo é uma ótima alternativa para propriedades agrícolas

A produção de biodiesel é feita a partir de óleos vegetais ou gorduras de animais, e pode ser utilizado em motores do ciclo diesel. Sua produção é uma forma de reduzir a emissão de poluentes e promover benefícios econômicos e sociais.

O Craqueamento de óleos vegetais é usado na a produção de biodiesel para uso próprio, de maneira segura e econômica. É um processo simples que pode ser utilizado em propriedades agrícolas e em pequenas comunidades.

Paulo Anselmo Ziani Suarez, professor do curso Produção de Biodiesel na Fazenda, produzido pelo CPT – Centro de Produções Técnicas, explica que o processo que craqueamento consiste na quebra das moléculas do óleo vegetal, levando à formação de uma mistura de compostos químicos com propriedades muito semelhantes às do diesel de petróleo, podendo ser usada diretamente em motores convencionais. Essa reação é realizada a altas temperatura, acima de 350º C, na presença ou ausência de catalisador.

Para propriedades agrícolas em regiões isoladas, o craqueamento é uma ótima alternativa, pois há uma maior simplicidade no seu processo em relação à transesterificação, principalmente porque não necessita utilizar o álcool anidro, nem catalizadores. Além disso, o processo de separação e purificação do produto final é muito mais fácil.

Por: Virgínia Maria de Araújo

Virginia 30-11-2011 Meio Ambiente

Deixe um Comentário

Comentários

Não há comentários para esta matéria.