Centro de Produções Técnicas

Uso da macaúba na produção de biodiesel


As propriedades oleaginosas dos frutos da macaúba possuem um dos maiores potenciais de produção de biocombustíveis

maca%C3%BAba 225x300 Uso da macaúba na produção de biodiesel

A macaúba pode produzir até 30 toneladas de biomassa por hectare

Palmeira nativa de florestas tropicais, a macaúba tem grande potencial como matéria-prima para a produção de biodiesel, afirmam o pesquisador da Embrapa Agroenergia (Brasília, DF) Alexandre Alonso Alves e o professor da Universidade Federal de Viçosa (UFV) Sérgio Motoike.

As propriedades oleaginosas dos frutos da macaúba possuem um dos maiores potenciais de produção de biocombustíveis, em média quatro mil quilos de óleo por hectare. A planta atende a algumas condições de vantagens sobre a soja e o dendê.

Mesmo possuindo um potencial menor que a soja para produzir óleo, a macaúba tem um volume maior, pode ultrapassar 30 toneladas de biomassa por hectare, enquanto a soja resulta em 5 mil litros. Além disso, a palmeira necessita de pouca água, concorrendo, assim, com a palma ou dendê.

Para garantir a produção, os pesquisadores aconselham que os produtores se organizem em associações ou cooperativas para instalar unidades de esmagamento das matérias-primas. Assim como ocorre com o dendê, os frutos devem ser processados logo após a colheita para evitar a rápida degradação que aumenta a acidez e prejudica a produção do biocombustível.

Por: Virgínia Maria de Araújo



Você também vai gostar de ler:


Deixe seu Comentário

Marque a caixa abaixo para validar seu comentário

 

Cursos de Agroindústria

CPT - Centro de Produções Técnicas

Quer Facilidade?

Ligamos para você!


Cursos de Meio Ambiente

CPT - Centro de Produções Técnicas